Engenharia diagnóstica e suas ferramentas

E hoje estamos aqui para tirar uma dúvida que é bem comum entre nossos clientes e até mesmo profissionais. Trata-se das ferramentas da engenharia diagnóstica e a diferença entre elas. Sim, podemos observar que muitos confundem os conceitos de vistoria, inspeção, auditoria, perícia e consultoria, sendo nosso enfoque nesse post exemplificar cada um deles.

A Engenharia Diagnóstica é uma disciplina relativamente nova, que a cada dia ganha mais atenção conforme nossas edificações envelhecem e atingem sua vida útil, mas não apenas nesse sentido, pois ela pode ser uma grande aliada desde o planejamento até a manutenção periódica da sua edificação. Segundo Gomide et al (2015) [1] a engenharia diagnóstica em edificações é a arte de criar ações proativas, por meio dos diagnósticos, prognósticos e prescrições técnicas, visando a qualidade total.

Mas Fixer, o que é qualidade total? Podemos entender como a adequação da edificação em sua concepção inicial, atendendo seu uso, garantindo sua vida útil, equilíbrio com o seu meio ambiente, recebendo as manutenções necessárias, com segurança e conforto para os usuários.

Para atingir tal qualidade precisamos utilizar das ferramentas diagnósticas e aí que se encontra a dúvida de várias pessoas: qual a diferença entre elas e qual delas preciso utilizar no meu caso?

Primeiramente precisamos destacar que apenas um profissional habilitado poderá avaliar sua situação e determinar a melhor solução para o seu problema, pois cada caso é único. Tendo dito isso, também precisamos salientar que as ferramentas sempre são agregadas no próximo nível de diagnóstico, como uma espécie de “escada” onde o primeiro degrau é a vistoria e o último a consultoria. Vamos aos conceitos?

Vistoria

Constatação técnica de determinado fato, condição ou direito relativo a uma edificação, mediante a verificação in loco. Podemos destacar a vistoria de material e acompanhamento de obra, de conclusão de obra, locativa (para alugar um local ou até mesmo para entrega-lo ao proprietário) e vistoria de vizinhança (aonde obtém-se o famoso laudo de vizinhança)

Inspeção

Análise técnica do que foi determinado na vistoria. Nessa atividade todas as informações coletadas são analisadas, onde as não conformidades são listadas em função de suas gravidades e a partir delas pode-se realizar um plano de manutenção corretivo e preventivo. Aqui podemos citar a Inspeção Predial em caráter geral, podendo a mesma ser apenas de um sistema ou contemplando toda a edificação.

Auditoria

Atestamento ou não de conformidade de um fato, condição ou direito relativo a uma edificação. Esta é uma grande aliada do controle de qualidade, onde podemos citar exemplos de auditoria de desempenho, gestão ambiental, operacional, projetos, manutenções e vários outros. Basicamente é a ferramenta para verificar se determinado item ou processo está de acordo com o que é esperado para o mesmo.

Perícia

Determinação de origem, causa, mecanismo de ação de um fato, condição ou direito relativo de uma edificação. Muitos clientes entram em contato conosco solicitando uma inspeção, quando na verdade o que precisam é de uma perícia. É nessa ferramenta que fazemos toda a investigação das causas e origens das não conformidades, realizamos ensaios comprobatórios e investigativos, avaliamos de forma mais profunda as suas consequências e elaboramos laudos que muitas vezes serão usados na justiça para obter soluções, receber por danos materiais e morais.

Consultoria

Prognóstico e a prescrição técnica a respeito do item periciado. Nessa ferramenta as partes interessadas obtêm a solução para os problemas encontrados em toda as investigações anteriores.

É preciso conversar com seu cliente para confirmar qual resultado que ele espera, pois muitas vezes ele está solicitando um tipo de laudo técnico e precisa de outro. Cada uma dessas ferramentas possuem um valor agregado e é importante entregar o que o cliente precisa, de forma que solucione os seus problemas e garanta a satisfação do mesmo.

Resumindo: as vistorias identificam e registram, as inspeções analisam e classificam, as auditorias atestam algo, as perícias investigam as causas e consequências e a consultoria prescreve soluções técnicas.


[1] Engenharia diagnóstica em edificações / Tito Lívio Ferreira Gomide, Jerônimo Cabral P. Fagundes Neto, Marco Antonio Gullo. São Paulo, Pini, 2015.

Compartilhar:

Mais Posts

Nos envie uma Mensagem

Telefone

61 99446-0256 (clique no ícone ao lado para entrar em contato pelo Whatsapp)

Email

fixer.engenharia@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − 1 =